Você está pesquisando por News?
+55 11 2193-2960
+55 11 94788-8015
Busca em Fotografo:Cesar Borges (1 - 15 de 295)
Exibição:
Thumb pequena
  • Thumb pequena
  • Thumb média
  • Thumb grande
Autorizações
  • Autorizações
  • Com Model Release
  • Sem Model Release
20 fotos por página
  • 20 fotos por página
  • 40 fotos por página
  • 80 fotos por página





Carregando...
Fim do Imposto Sindical causa fila em SP

Reforma Trabalhista
Data da imagem: 17/10/2018
Cod. da imagem: 1621812
Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Direito Controlado


Reforma Trabalhista

Data da imagem: 17/10/2018

Cod. da imagem: 1621812

Reforma Trabalhista

Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Centenas de trabalhadores ligados ao setor de serviços enfrentaram filas na manhã desta quarta-feira, 17, para entregar a Carta de Cancelamento de Contribuição Sindical no SECSP, Sindicato dos Comerciários de São Paulo, no Anhangabaú, região central da capital paulista. O documento impede o desconto que cada colaborador tem em sua folha de pagamento devido à contribuição para as entidades laborais. A Reforma Trabalhista, que passou a vigorar em novembro de 2017, decretou o fim da obrigatoriedade do imposto sindical tornando-a facultativa.

Editorial RM
Fim do Imposto Sindical causa fila em SP

Reforma Trabalhista
Data da imagem: 17/10/2018
Cod. da imagem: 1621811
Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Direito Controlado


Reforma Trabalhista

Data da imagem: 17/10/2018

Cod. da imagem: 1621811

Reforma Trabalhista

Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Centenas de trabalhadores ligados ao setor de serviços enfrentaram filas na manhã desta quarta-feira, 17, para entregar a Carta de Cancelamento de Contribuição Sindical no SECSP, Sindicato dos Comerciários de São Paulo, no Anhangabaú, região central da capital paulista. O documento impede o desconto que cada colaborador tem em sua folha de pagamento devido à contribuição para as entidades laborais. A Reforma Trabalhista, que passou a vigorar em novembro de 2017, decretou o fim da obrigatoriedade do imposto sindical tornando-a facultativa.

Editorial RM
Fim do Imposto Sindical causa fila em SP

Reforma Trabalhista
Data da imagem: 17/10/2018
Cod. da imagem: 1621810
Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Direito Controlado


Reforma Trabalhista

Data da imagem: 17/10/2018

Cod. da imagem: 1621810

Reforma Trabalhista

Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Centenas de trabalhadores ligados ao setor de serviços enfrentaram filas na manhã desta quarta-feira, 17, para entregar a Carta de Cancelamento de Contribuição Sindical no SECSP, Sindicato dos Comerciários de São Paulo, no Anhangabaú, região central da capital paulista. O documento impede o desconto que cada colaborador tem em sua folha de pagamento devido à contribuição para as entidades laborais. A Reforma Trabalhista, que passou a vigorar em novembro de 2017, decretou o fim da obrigatoriedade do imposto sindical tornando-a facultativa.

Editorial RM
Fim do Imposto Sindical causa fila em SP

Reforma Trabalhista
Data da imagem: 17/10/2018
Cod. da imagem: 1621809
Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Direito Controlado


Reforma Trabalhista

Data da imagem: 17/10/2018

Cod. da imagem: 1621809

Reforma Trabalhista

Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Centenas de trabalhadores ligados ao setor de serviços enfrentaram filas na manhã desta quarta-feira, 17, para entregar a Carta de Cancelamento de Contribuição Sindical no SECSP, Sindicato dos Comerciários de São Paulo, no Anhangabaú, região central da capital paulista. O documento impede o desconto que cada colaborador tem em sua folha de pagamento devido à contribuição para as entidades laborais. A Reforma Trabalhista, que passou a vigorar em novembro de 2017, decretou o fim da obrigatoriedade do imposto sindical tornando-a facultativa.

Editorial RM
Caramujo Africano

Data da imagem: 15/10/2018
Cod. da imagem: 1621997
Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Direito Controlado


Data da imagem: 15/10/2018

Cod. da imagem: 1621997

Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Caramujo, também conhecido por Caramujo Africano, é um molusco gastrópode aquático. Seu exterior possui uma concha em espiral, com as voltas ou giros no mesmo plano. Esta característica deu a ele o nome de planorbídeo. Seu nome científico é Achatina Fulica.

Criativa RM
Caramujo Africano

Data da imagem: 15/10/2018
Cod. da imagem: 1621996
Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Direito Controlado


Data da imagem: 15/10/2018

Cod. da imagem: 1621996

Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Caramujo, também conhecido por Caramujo Africano, é um molusco gastrópode aquático. Seu exterior possui uma concha em espiral, com as voltas ou giros no mesmo plano. Esta característica deu a ele o nome de planorbídeo. Seu nome científico é Achatina Fulica.

Criativa RM
Caramujo Africano

Data da imagem: 15/10/2018
Cod. da imagem: 1621995
Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Direito Controlado


Data da imagem: 15/10/2018

Cod. da imagem: 1621995

Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Caramujo, também conhecido por Caramujo Africano, é um molusco gastrópode aquático. Seu exterior possui uma concha em espiral, com as voltas ou giros no mesmo plano. Esta característica deu a ele o nome de planorbídeo. Seu nome científico é Achatina Fulica.

Criativa RM
Igreja Dominicana resistiu ao Golpe de 64

Igreja Dominicana
Data da imagem: 10/10/2018
Cod. da imagem: 1619008
Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Direito Controlado


Igreja Dominicana

Data da imagem: 10/10/2018

Cod. da imagem: 1619008

Igreja Dominicana

Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Paróquia São Domingos, em Perdizes, zona oeste de São Paulo, foi reduto de resistência ao Golpe de 1964 no país. Após criação do convento dominicano em 1938, a Igreja Paróquia São Domingos do Alto de Perdizes foi inaugurada em 1941. Na Ditadura Militar, os dominicanos resistiram aos militares e atuou para frear o avanço da censura e da repressão política, inclusive usando suas instalações para abrigar militantes da Ação Libertadora Nacional. Na época, alguns religiosos também foram perseguidos pelo regime, como Frei Tito, cuja morte é atualmente investigada pela Comissão Nacional da Verdade. O projeto arquitetônico, com estilo eclético, foi tombado pelo CONDEPHAAT em 1988 e é de autoria do arquiteto Adolf Franz Heep (1902-1978), nascido na Tchecoslováquia.

Editorial RM
Igreja Dominicana resistiu ao Golpe de 64

Igreja Dominicana
Data da imagem: 10/10/2018
Cod. da imagem: 1619007
Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Direito Controlado


Igreja Dominicana

Data da imagem: 10/10/2018

Cod. da imagem: 1619007

Igreja Dominicana

Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Paróquia São Domingos, em Perdizes, zona oeste de São Paulo, foi reduto de resistência ao Golpe de 1964 no país. Após criação do convento dominicano em 1938, a Igreja Paróquia São Domingos do Alto de Perdizes foi inaugurada em 1941. Na Ditadura Militar, os dominicanos resistiram aos militares e atuou para frear o avanço da censura e da repressão política, inclusive usando suas instalações para abrigar militantes da Ação Libertadora Nacional. Na época, alguns religiosos também foram perseguidos pelo regime, como Frei Tito, cuja morte é atualmente investigada pela Comissão Nacional da Verdade. O projeto arquitetônico, com estilo eclético, foi tombado pelo CONDEPHAAT em 1988 e é de autoria do arquiteto Adolf Franz Heep (1902-1978), nascido na Tchecoslováquia.

Editorial RM
Igreja Dominicana resistiu ao Golpe de 64

Igreja Dominicana
Data da imagem: 10/10/2018
Cod. da imagem: 1619006
Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Direito Controlado


Igreja Dominicana

Data da imagem: 10/10/2018

Cod. da imagem: 1619006

Igreja Dominicana

Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Paróquia São Domingos, em Perdizes, zona oeste de São Paulo, foi reduto de resistência ao Golpe de 1964 no país. Após criação do convento dominicano em 1938, a Igreja Paróquia São Domingos do Alto de Perdizes foi inaugurada em 1941. Na Ditadura Militar, os dominicanos resistiram aos militares e atuou para frear o avanço da censura e da repressão política, inclusive usando suas instalações para abrigar militantes da Ação Libertadora Nacional. Na época, alguns religiosos também foram perseguidos pelo regime, como Frei Tito, cuja morte é atualmente investigada pela Comissão Nacional da Verdade. O projeto arquitetônico, com estilo eclético, foi tombado pelo CONDEPHAAT em 1988 e é de autoria do arquiteto Adolf Franz Heep (1902-1978), nascido na Tchecoslováquia.

Editorial RM
Igreja Dominicana resistiu ao Golpe de 64

Igreja Dominicana
Data da imagem: 10/10/2018
Cod. da imagem: 1619005
Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Direito Controlado


Igreja Dominicana

Data da imagem: 10/10/2018

Cod. da imagem: 1619005

Igreja Dominicana

Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Paróquia São Domingos, em Perdizes, zona oeste de São Paulo, foi reduto de resistência ao Golpe de 1964 no país. Após criação do convento dominicano em 1938, a Igreja Paróquia São Domingos do Alto de Perdizes foi inaugurada em 1941. Na Ditadura Militar, os dominicanos resistiram aos militares e atuou para frear o avanço da censura e da repressão política, inclusive usando suas instalações para abrigar militantes da Ação Libertadora Nacional. Na época, alguns religiosos também foram perseguidos pelo regime, como Frei Tito, cuja morte é atualmente investigada pela Comissão Nacional da Verdade. O projeto arquitetônico, com estilo eclético, foi tombado pelo CONDEPHAAT em 1988 e é de autoria do arquiteto Adolf Franz Heep (1902-1978), nascido na Tchecoslováquia.

Editorial RM
Igreja Dominicana resistiu ao Golpe de 64

Igreja Dominicana
Data da imagem: 10/10/2018
Cod. da imagem: 1619004
Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Direito Controlado


Igreja Dominicana

Data da imagem: 10/10/2018

Cod. da imagem: 1619004

Igreja Dominicana

Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Paróquia São Domingos, em Perdizes, zona oeste de São Paulo, foi reduto de resistência ao Golpe de 1964 no país. Após criação do convento dominicano em 1938, a Igreja Paróquia São Domingos do Alto de Perdizes foi inaugurada em 1941. Na Ditadura Militar, os dominicanos resistiram aos militares e atuou para frear o avanço da censura e da repressão política, inclusive usando suas instalações para abrigar militantes da Ação Libertadora Nacional. Na época, alguns religiosos também foram perseguidos pelo regime, como Frei Tito, cuja morte é atualmente investigada pela Comissão Nacional da Verdade. O projeto arquitetônico, com estilo eclético, foi tombado pelo CONDEPHAAT em 1988 e é de autoria do arquiteto Adolf Franz Heep (1902-1978), nascido na Tchecoslováquia.

Editorial RM
Casa Modernista Rua Bahia

Data da imagem: 10/10/2018
Cod. da imagem: 1619464
Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Direito Controlado


Data da imagem: 10/10/2018

Cod. da imagem: 1619464

Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Casa Modernista da Rua Bahia, localizada no bairro do Pacaembu, zona oeste de São Paulo. A construção é uma das primeiras com estilo modernista na cidade. A obra, projetada em 1930, é do arquiteto ucraniano Gregori Warchavchik e é toda erigida sob característica moderna; com linhas retas, funcional, tijolos assentes e com alicerces em concreto e pedregulhos. Atualmente, a construção é tombada pelo IPHAN. Na foto, a residência tem uma placa de aluga no topo.

Editorial criativa RM
Casa Modernista Rua Bahia

Data da imagem: 10/10/2018
Cod. da imagem: 1619463
Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Direito Controlado


Data da imagem: 10/10/2018

Cod. da imagem: 1619463

Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Casa Modernista da Rua Bahia, localizada no bairro do Pacaembu, zona oeste de São Paulo. A construção é uma das primeiras com estilo modernista na cidade. A obra, projetada em 1930, é do arquiteto ucraniano Gregori Warchavchik e é toda erigida sob característica moderna; com linhas retas, funcional, tijolos assentes e com alicerces em concreto e pedregulhos. Atualmente, a construção é tombada pelo IPHAN. Na foto, a residência tem uma placa de aluga no topo.

Editorial criativa RM
Casa Modernista Rua Bahia

Data da imagem: 10/10/2018
Cod. da imagem: 1619465
Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Direito Controlado


Data da imagem: 10/10/2018

Cod. da imagem: 1619465

Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Casa Modernista da Rua Bahia, localizada no bairro do Pacaembu, zona oeste de São Paulo. A construção é uma das primeiras com estilo modernista na cidade. A obra, projetada em 1930, é do arquiteto ucraniano Gregori Warchavchik e é toda erigida sob característica moderna; com linhas retas, funcional, tijolos assentes e com alicerces em concreto e pedregulhos. Atualmente, a construção é tombada pelo IPHAN. Na foto, a residência tem uma placa de aluga no topo.

Editorial criativa RM
Eleições 2018 SP

Voto biométrico em Guarulhos
Data da imagem: 07/10/2018
Cod. da imagem: 1617912
Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Direito Controlado


Voto biométrico em Guarulhos

Data da imagem: 07/10/2018

Cod. da imagem: 1617912

Voto biométrico em Guarulhos

Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Eleitores de Guarulhos, na Grande São Paulo, votam neste domingo, dia 7. A cidade é uma das que tem a obrigatoriedade do voto biométrico. Na foto, eleitores justificam o voto.

Editorial RM
Eleições 2018 SP

Data da imagem: 07/10/2018
Cod. da imagem: 1618131
Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Direito Controlado


Data da imagem: 07/10/2018

Cod. da imagem: 1618131

Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Eleitores de Guarulhos, na Grande São Paulo, votam neste domingo, dia 7. A cidade é uma das que tem a obrigatoriedade do voto biométrico. Na foto, eleitores justificam o voto.

Editorial RM
Eleições 2018 SP

Voto biométrico em Guarulhos
Data da imagem: 07/10/2018
Cod. da imagem: 1617918
Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Direito Controlado


Voto biométrico em Guarulhos

Data da imagem: 07/10/2018

Cod. da imagem: 1617918

Voto biométrico em Guarulhos

Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Eleitores de Guarulhos, na Grande São Paulo, votam neste domingo, dia 7. A cidade é uma das que tem a obrigatoriedade do voto biométrico. Na foto, eleitores justificam o voto.

Editorial RM
Eleições 2018 SP

Voto biométrico em Guarulhos
Data da imagem: 07/10/2018
Cod. da imagem: 1617917
Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Direito Controlado


Voto biométrico em Guarulhos

Data da imagem: 07/10/2018

Cod. da imagem: 1617917

Voto biométrico em Guarulhos

Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Eleitores de Guarulhos, na Grande São Paulo, votam neste domingo, dia 7. A cidade é uma das que tem a obrigatoriedade do voto biométrico. Na foto, eleitor põe o dedo para fazer o voto biométrico.

Editorial criativa RM
Eleições 2018 SP

Voto biométrico em Guarulhos
Data da imagem: 07/10/2018
Cod. da imagem: 1617916
Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Direito Controlado


Voto biométrico em Guarulhos

Data da imagem: 07/10/2018

Cod. da imagem: 1617916

Voto biométrico em Guarulhos

Crédito: Cesar Borges/ Fotoarena

Eleitores de Guarulhos, na Grande São Paulo, votam neste domingo, dia 7. A cidade é uma das que tem a obrigatoriedade do voto biométrico. Na foto, eleitor põe o dedo para fazer o voto biométrico.

Editorial criativa RM
 
 
  < Anterior
 
HOME    |    ENTRE EM CONTATO    |    TERMO DE USO       

COPYRIGHT 2008-2018 FOTOARENA. PROIBIDA A CÓPIA OU REPRODUÇÃO SEM AUTORIZAÇÃO PRÉVIA..